DepurPlus – Otimização dos processos de depuração de moluscos bivalves

Coordenador

Rui Jorge Miranda Rocha

Programa

PROMAR (31.03.05.FEP.0065)– Eixo 3 - Projetos Piloto e Transf. Embarcações de Pesca

Datas

01/03/2015 - 03/12/2015

Financiamento para o CESAM

196776 €

Financiamento Total

196776 €

O projeto DepurPlus tem como objetivo otimizar o processo de depuração de moluscos bivalves. Utilizaremos como modelos biológicos quatro espécies de moluscos bivalves com importância económica para a região abrangida pela zona de produção da Ria de Aveiro: amêijoa boa (Ruditapes decussata), amêijoa macha (Venerupis pullastra), ostra (Crassostrea gigas) e berbigão (Cerastoderma edule). No início do projeto serão desenvolvidos sistemas modulares de depuração, que apresentaram algumas vantagens comparativamente aos sistemas que presentemente existem no mercado, tais como: baixos custos de operação, maior facilidade de controlo do processo de depuração, maior eficácia na desinfeção da água de depuração, ou maior facilidade de manutenção dos sistemas. A componente experimental do projeto será dividida em 5 Tarefas: 1) Otimização da desinfeção da água de depuração dos moluscos bivalves pela manipulação da intensidade (µW.s.cm-2) da R UV-C aplicada e da regulação do caudal de água no sistema UV, de modo a otimizar o tempo de exposição dos micro-organismos presentes na água; 2) Avaliação da temperatura e salinidade ótimas para depuração dos moluscos bivalves estudados; 3) Otimização da carga biológica a depurar (kg.L-1) e do tempo de depuração para as 4 espécies estudadas; 4) Comparação do resultado final da depuração dos moluscos depurados nos módulos DepurPlus com os moluscos bivalves presentes no mercado, provenientes de zonas B e C, e avaliação dos moluscos bivalves comercializados provenientes de zonas A; 5) Elaboração de um plano de avaliação dos benefícios económicos para o sector, resultantes da aplicação destas novas metodologias para a depuração de moluscos bivalves. As análises microbiológicas para avaliação dos processos de depuração (Tarefas 1 – 3) e para comparação dos moluscos bivalves depurados com a metodologia desenvolvida neste projeto com moluscos bivalves comercializados no mercado (Tarefas 4), realizar-se-ão com métodos de biologia molecular, através da técnica de “Polymerase chain reaction” (PCR) em tempo real, que permite identificar e quantificar bactérias e vírus presentes nos moluscos bivalves antes e após a sua depuração. Este projeto permitirá desenvolver sistemas de depuração modulares que facilmente poderão ser implementados comercialmente, que permitem a otimização do processo de depuração, e sobretudo permitem, através da identificação e quantificação de agentes potencialmente patogénicos, otimizar o controlo de qualidade dos moluscos bivalves comercializados, e contribuir de forma significativa para a melhoria da segurança alimentar.

membros do CESAM no projeto

Anabela de Oliveira Pereira

Investigadora Doutorada

Fernando Manuel Raposo Morgado

Professor Associado com Agregação

Ricardo Jorge Guerra Calado

Investigador Coordenador

Rui Jorge Miranda Rocha

Professor Auxiliar